segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

É uma questão de prazer...

Vem... Junta o teu corpo ao meu e deixa-me aquecer-te que as noites estão frias. e vamos dormir juntos, ou nem dormir de todo, ou vamos foder...
Não vamos fazer algo tão intimo como fazer amor, mas também não vamos fazer o banal "sexo", vamos foder, pelo simples prazer de o fazer.
Deixa-me ver esse templo que é o teu corpo e deixa-me ser o seu salteador, apaixona-te por mim por meros minutos, tal como eu tenho feito todos os minutos por ti, desde à muito tempo...
Pode parecer um pedido arriscado, mas se eu não disser o que me vai na cabeça que merda é que ando aqui a fazer?
Sim quero foder contigo, quero que sejas puta por uma noite, só para mim, para que possamos beneficiar os dois.
Faz-me sentir sujo, leva-me à Lua e traz-me de volta em segundos como eu sei que só tu és capaz de fazer e no fim...

... olha-me nos olhos, e vai te embora porque no fim de contas...

... para ti é tudo uma questão de prazer... 







0 comentários:

Enviar um comentário

Com tecnologia do Blogger.

About me

Se, por algum lapso de consciência decidires ler mais alguma coisa que se siga a esta apresentação ficas já avisado que, das duas uma, ou vais deprimir ou vais dizer-me assim "fogo, és um triste", se pensares isso eu respondo-te, "não, eu sou feliz, tenho um pai e uma mãe que trabalham e uma irmã que é uma chata do caraças, tenho uma casa e comida na mesa todos os dias, por isso supostamente não tenho motivos para me queixar." Mas eu sempre fui do contra e dado a minha idade e teimosia arranjo sempre motivos para me queixar.